Paraty é definitivamente um dos melhores destinos no Rio de Janeiro para quem ama gastronomia. Com uma infinidade de boas opções de restaurantes, cafés e bistrôs, impossível ir pra Paraty e não aproveitar o que a cidade tem de melhor pra oferecer! Portanto, se você está com viagem marcada e já quer saber onde comer em Paraty, esse post é perfeito para você!

Veja abaixo os restaurantes que eu conheci na cidade e como foi a minha experiência e quanto gastei em cada um deles:

ONDE COMER EM PARATY: RESTAURANTES

1. Galeria do Engenho

Esse foi o primeiro restaurante que eu conheci em Paraty. Assim que cheguei na cidade, perguntei para o rapaz da recepção do hotel qual restaurante que ele indicava para almoçar, e ele me recomendou o Galeria do Engenho. Pois bem, aceitei a sugestão e fui conhecer o local.

O Galeria do Engenho fica logo no comecinho do centro histórico, bem na rua da entrada principal. Não é um restaurante tão barato, mas é do estilo “pratos grandes para dividir”, o que pode acabar compensando os preços. Nós pedimos um bobó de camarão para 2 pessoas, que vem acompanhado de arroz, farofa de dendê e pirão. Estava MUUUITO gostoso!

Mas o ponto alto pra mim foi a cerveja, que estava estupidamente gelada. Pegamos uma mesa na janela, então foi incrível começar a viagem apreciando uma cerveja gelada apreciando o movimento da rua no centro histórico. 😉

Bebemos 2 cervejas de 600ml e o bobó de camarão. Nossa conta ficou R$ 187,00 para o casal. Como eu comentei, achei carinho mas curti a experiência e achei que valeu a pena. Recomendo! 😉

onde comer paraty
Bobó de camarão do Galeria do Engenho (foto: @matheuscardoso)

2. La Dolce Vita

Esse foi o restaurante que mais me deixou com gostinho de quero mais. Estou doida pra voltar a Paraty e ir novamente no La Dolce Vita pra comer muuuuito mais! Isso porque no dia que eu fui nele, já estava bem tarde da noite e nós não estávamos mais com tanta fome. Acabou que pedimos somente uma entrada, o “La Focaccia de Burrata”. Acontece que esse prato é tão grande, que nós não conseguíamos comer mais nada depois, rs!

Mas o que eu posso dizer é que essa Focaccia era MARAVILHOSA e sinto saudades dela até hoje. No Trip Advisor, dá pra ver as fotos dos demais pratos que tem lá, e é só coisa linda que parece ser deliciosa. Ou seja, quem puder ir no La Dolce Vita, vá com fome e aproveite!

Como comemos pouco, nossa conta deu baratinho. Total de R$ 70,00 para o casal, ou seja, R$ 35,00 por pessoa. 😉

onde comer em paraty
La Focaccia de Burrata do La Dolce Vitta, em Paraty. (foto: @matheuscardoso)

3. Casa Coupê

Nós decidimos almoçar no Casa Coupê no nosso segundo dia de viagem quando passamos em frente e vimos o letreiro dizendo que eles estavam com um cardápio executivo especial, com precinhos camaradas. Como não queríamos extravagar nesse momento, resolvemos entrar pra conhecer.

Percebi que o Casa Coupê fica bastante cheio, principalmente a noite. Ele é um dos restaurantes que mais ficam animados a noite, quando a calçada da rua fica tomada pelas suas mesas e por pessoas bebendo as famosas caipirinhas Jorge Amado.

Nesse dia, eu pedi um dos pratos do cardápio executivo de almoço, que era um strogonoff de camarão e cogumelos com batata frita acompanhado de uma entrada de salada com canapés, que estava saindo a R$ 39,90. O Matheus pediu um hambúrger de mignon com queijo brie, que segundo ele estava maravilhoso!

Bebemos algumas cervejas, então, no total, nossa conta saiu a R$ 61,69 por pessoa.

onde comer paraty
Hamburger do Casa Coupê. (foto: @matheuscardoso)
dicas de restaurante paraty
Saladinha com canapés de entrada do cardápio executivo
restaurante casa coupe paraty
Strogonoff de camarão com cogumelos, batata frita e banana frita.

4. Pizzaria da Cidade

Como uma boa pessoa viciada em pizza que sou, óbvio que chegou um momento da viagem eu estava necessitada de uma, rs. Pesquisei no Trip Advisor e vi que a Pizzaria da Cidade estava muito bem avaliada por lá.

Pedimos a pizza de presunto de parma e portuguesa. Não é a melhor pizza que eu comi na vida mas era bem gostosa, e ainda tinha um azeitinho saborizado com alho delicioso para colocar na pizza. Ou seja, só aí me ganhou toda! Porém, achei a pizza um pouco cara, mais até do que eu estou acostumada a pagar em boas pizzarias do Rio de Janeiro.

Aproveitei para experimentar também a famosa caipirinha Jorge Amado, feita com cachaça Gabriela, maracujá, limão e açúcar. Estava deliciosa!

Nossa conta saiu no total R$ 67,00 por pessoa.

pizzaria da cidade paraty
Caipirinha Jorge Amado.
pizzaria da cidade
Pizza maravilhosa da Pizzaria da Cidade, em Paraty.

5. Bartholomeu

Almoçamos no Bartholomeu no nosso último dia de viagem. Esse é um dos restaurantes mais tops de Paraty, mas ele estava com um cardápio executivo na hora do almoço com opções e preços bem interessantes. Inclusive, fica a dica pra vocês: sempre que quiserem ir em um restaurante caro, verifiquem se ele não tem menu executivo no almoço. Essa é a forma mais barata de ir em um restaurante top, sem gastar muito dinheiro! Essa dica vale não só para Paraty, mas para a vida, ok? 😉

Nós escolhemos a opção que vinha com risoto e galeto para 2, e pedimos um pão de alho de entrada para complementar. Estava tudo MUITO bom, adoramos! Nossa conta saiu R$ 62,18 por pessoa.

bartholomeu paraty
Nossa entrada: pão de alho
dica de restaurante paraty
Risoto e Galeto para 2 pessoas: opção de prato executivo na hora do almoço.

ONDE COMER: CAFÉS

Se tem uma coisa deliciosa pra se fazer em Paraty é tomar um cafézinho no fim da tarde apreciando a golden hour nas belas ruas da cidade. Eu consegui conhecer dois cafés, vamos as dicas:

1. Café Pingado

O café Pingado tem um ambiente super fofo e é um dos mais famosos de Paraty. Possui tanto mesinhas dentro do estabelecimento, quanto na rua. Lá eu bebi o moccachino com nutella e pedi um brigadeiro para acompanhar. Overdose de açúcar, mas adorei tudo, rs! Minha conta saiu R$ 10,45.

2. Café Montañita

Já o Café Montañita tem uma vibe mais diferentona. Ele na verdade é um ateliê que conta com uma barista fazendo cafés ao vivaço para as pessoas. O espaço dentro é pequeno e quase não tem espaço para sentar, sendo o ideal pegar uma das mesinhas do lado de fora. Lá você pode beber um café expresso normal, ou se quiser inovar, pedir um coado para o barista fazer, escolhendo o tipo de torra e o tipo de coador.

Eu queria inovar, mas como não entendo muito de cafés, pedi a ajuda do barista para entender melhor as opções. Acabei escolhendo o grão torra clara no coador Aeropress, que me daria um café mais fraquinho. E acertei, realmente o café ficou bem suave e gostoso, do jeito que eu gosto. 🙂

Esse café foi R$ 10,00.

cafe montanita paraty
Bebendo o café coado da Montañita numa ruazinha fofa de Paraty. (foto: @matheuscardoso)

*

Quer ver mais dicas de Paraty? Leia também:

*

Continue acompanhando minhas viagens em tempo real no Instagram do @blogpelocaminho!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Insira seu comentário
Nome